©
E eu me pergunto o que é que eu sou,
vai ver eu não sou mesmo nada.
E eu me pergunto o que é que eu fiz.
vai ver eu não fiz mesmo nada.
Eu penso tanto em desistir,
mas afinal, não ganhei nada.
by Mallu Magalhães  (via historiar)

(Source: trechos-sonoros, via riscos-rabiscos)

arcanja:

sem título by millie clinton. on Flickr.
Quem luta contra monstros deve ter cuidado para não se transformar em um deles.
by

Nietzsche.

(via
procenio)

(Source: parasitado, via de-cifrar)

O amor é uma espécie de preconceito. A gente ama o que precisa, ama o que faz sentir bem, ama o que é conveniente. Como pode dizer que ama uma pessoa quando há dez mil outras no mundo que você amaria mais se conhecesse? Mas a gente nunca conhece.
by Charles Bukowski.  (via versificar)

(Source: clarabrandao, via riscos-rabiscos)